sexta-feira, 20 de maio de 2011

[Poesia] O Medo: O Maior Gigante da Alma - Fernando Teixeira de Andrade


O Medo: O Maior Gigante da Alma

Pra quem tem medo e nada se atreve
tudo é ousado e perigoso.
É o medo que esteriliza nossos abraços e cancela nossos afetos;
que proíbe nossos beijos e nos coloca sempre do lado de cá do muro.
Esse medo que se enraíza no coração do homem
impede-o de ver o mundo que se descortina para além do muro
como se o novo fosse sempre uma cilada,
e o desconhecido tivesse sempre uma armadilha a ameaçar a nossa ilusão de segurança e certeza.
...
Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas
que já têm a forma do nosso corpo
e esquecer os nossos caminhos
que nos levam sempre aos mesmo lugares.
É o tempo da travessia
e se não ousarmos fazê-la
teremos ficado para sempre
à margem de nós mesmos.
Marcela Oliveira Web Developer

Nenhum comentário: