quarta-feira, 17 de agosto de 2011

[Poesia] Amantes - Joaquim Matos




Amantes

Intensa como meus desejos,
aproxima-se,
suave como a tarde, rodeia-me,
a brisa afasta os medos!

Minha pele disposta,
seus lábios prontos,
sou e somos tempo,
na eternidade do momento!

Dois corpos,
contorno perfeito,
somos um
na pluralidade do encontro!

Vivemos assim,
emprestados,
como fugitivos covardes,
procurando uma vida par!
Marcela Oliveira Web Developer

Nenhum comentário: